sábado, 12 de março de 2011

Um pouco de história...


Muitos pensam que a terapia floral foi desenvolvida por Edward Bach, nos anos 30, mas na verdade as essências de flores estão em uso por milênios.

Os aborígines australianos usam o poder das flores há mais de 40.000 anos. Ainda hoje, coletam o orvalho que fica sobre as flores, pela manhã para promover seu bem estar emocional.

Na medicina Ayurvédica, que tem pelo menos 6.000 anos, usa água das pétalas das flores, embebidas em bandagens, para massagens. Os egípcios e os africanos faziam uso das flores para tratar dos seus desequilíbrios emocionais. Também Paracelso, no séc. XVI, utilizava as essências florais para tratar dos desequilíbrios de seus pacientes.

Mas com certeza, todo esse conhecimento foi redescoberto e introduzido na cultura ocidental, através do trabalho do Dr Bach, que desenvolveu um sistema simples que pode ser usado por qualquer pessoa. Também encontrou uma correlação entre o stress, os sentimentos e as enfermidades, pelo que se convenceu de que os distúrbios emocionais eram a principal causa dessas enfermidades.

Desde 1976, a Organização Mundial da Saúde reconheceu a terapia floral como uma das formas de medicina complementar e a recomenda pelo seu baixo custo, facilidade de uso e inocuidade. As essências florais são extratos líquidos naturais e altamente diluídos de flores, plantas e arbustos que , promovem o equilíbrio dos problemas emocionais, operando em níveis vibratórios sutis e harmonizando a pessoa no meio em vive.

O objetivo da terapia floral é o equilíbrio das emoções do paciente (estresse, depressão, pânico, desespero, sentimentos de culpa, cansaço físico ou mental, solidão, tristeza, indecisão, sensibilidade excessiva, ciúmes, ódio, mágoas, todos os tipos de medos, ansiedades e preocupações ) buscando a consciência plena do seu mundo interior e exterior. Problemas de saúde freqüentemente têm suas origens nas emoções (psicossomática).

Para o Dr. Edward Bach o importante era tratar a personalidade da pessoa e não a doença. A doença seria o resultado do conflito da alma (Eu Superior - a parte mais perfeita do Ser) e da personalidade (Eu Inferior - o que nós somos, no nosso dia-a-dia).

Ele dizia: "O sofrimento é mensageiro de uma lição, a alma envia a doença para nos corrigir e nos colocar no nosso caminho novamente. O mal nada mais é do que o bem fora do lugar".

* Origem das doenças é proveniente de sete defeitos do homem:

Orgulho
Crueldade
Ódio
Egoísmo
Ignorância
Instabilidade Mental
Cobiça, Gula

* São sete os caminhos do equilíbrio emocional:

Paz
Esperança
Alegria

Certeza
Sabedoria
Amor


Seu conceito de saúde era: harmonia, integração, individualidade e integridade. O importante seria que a alma e a personalidade estejam em perfeita sintonia através do equilíbrio emocional. As essências Florais de Bach tratariam a pessoa e não a doença: a causa e não o efeito.
Segundo os estudos feitos pelo médico Edward Bach, as vibrações das flores correspondem às diversas características da personalidade humana, mas em seu estado puro, perfeito. Estas essências harmonizam as emoções, reestabelecendo o equilíbrio interior.

Desde a infância as pessoas aprendem a reprimir suas emoções de raiva, medo, insegurança..., e com o passar do tempo estes sentimentos vão se solidificando, criando um bloqueio que os impedem de ser elaborados e consequentemente possibilitando o desencadeamento de doenças.

As essências florais ajudam trabalhar esses conflitos possibilitando a integração das emoções positivas e negativas à personalidade. À medida em que as pessoas passam a aceitar e lidar melhor com suas dificuldades esses conflitos vão se dissolvendo e com ele vão sendo dissipados o medo excessivo, o stress, insegurança e a culpa.

Os florais agem de forma a desmanchar as couraças de cada um, resgantando a espontaneidade, autenticidade em busca do equilíbrio e da saúde. Através de acompanhamento de casos práticos é possível comprovar a profundidade da ação das essências na transformação e crescimento interior.
Você às vezes tem sentimentos de medo, sente ansiedade ou raiva. Os sintomas orgânicos que esses desequilíbrios podem acarretar são sinais de que o estado emocional está comprometido, as energias vitais estão sendo canalizadas de modo errado ou bloqueadas. Os florais restabelecem contato e harmonia com a nossa totalidade, a nossa verdadeira fonte de energia.
Os florais buscam chegar à raiz desses problemas e erradicar devidamente a causa desses desequilíbrios. São indicados através da análise das características de sua personalidade e do quadro emocional que você apresenta. À medida que o organismo vai sendo harmonizado como um todo, os sintomas vão gradativamente desaparecendo. É um mecanismo natural, sem efeitos colaterais e deve ser acompanhado por um terapeuta.
 

Nenhum comentário: